2.2.07

Acontecimento

Se acaso você surgia, meu amor
Numa noite fria
Eu te esquentava
Se acaso você surgia minha flor
mesmo de dia
eu te aguava
Se acaso você surgia
como uma lua
Toda linda
e bem nua
Eu juro que te dava
Juro que te dava. . .

1 comentário:

Rafael Pontual disse...

OI Renálide, tava dando uma olhada nesse teu poema e achei perfeito para uma bossa nova, então coloquei uma melodia e uma harmonia, depois te mostro, se você não gostar eu apago da minha memória, kkkkkkkk
bjs