28.1.07

(O) (caso)

Não era a boca
Era quem
era sem
roupa

Não era o lábio
era de quem
amém
alívio


Não era o corpo
ou o calor
nem mesmo o olhar
torpor

Não era o cheiro
não era o erro
beijo

Não era só cio
era o ensejo
o desejo
desafio

1 comentário:

zah disse...

Foi 'O' caso (Mas quem era?)
Não foi soh o corpo, nem o làbio, nem o cheiro (mas de quem era?)
O desafio.. era quem era.
Eu me desafio, sim, pode ser o meu ocaso, não me importo, pode ser sim que eu caia, mais ça arrive, às vezes on tombe amoureux, we fall in love, a gente cai. Esse é o meu desejo, esse é o meu desejo. O desconhecido. Quem era? Quero o desafio. Seja quem for.