20.12.06

poema em dor maior

Quando deitei o seu poema no cinzeiro
e sob lençóis de cinzas o guardei
percebi que o nosso amor
era a última vez.

Sem comentários: