17.8.06

À mulher que vi em Campina Grande

Prece de santo
Peso do corpo.
Precisão

Solto
Pé na estrada
Vai defunto o retirante . . .
Anda torto.

À frente sol flamejante
Nuvem ausente:
Quase cegueira se olhar para cima

Rosto sulcado
Caminhos-memória
Prece do corpo
Peso de santo no ombro pontudo.

Chove azul do céu ensolarado:
Quase cegueira se olhar para cima

O retirante
! Avante !

irônico escapulário
cigarro de palha

Sem anjo da guarda
Aguarda a chegada de Deus.


À frente
ca mi nha

esperança do último gole d'água.

2 comentários:

Momoberry disse...

entendi n mas tudo bem

A leiga disse...

Eu entendi e achei massa. Vida seca, quente e fé fervorosa. Eu também vi essa mulher. Foi só lê-la.